Esportes

25/07/2016 00:00

Vila Olímpica já tem 900 pessoas instaladas e 200 são atletas de 26 países

Novecentas pessoas já estão instaladas até o momento na Vila Olímpica, na Barra da Tijuca, aberta hoje (24) às equipes nacionais e estrangeiras que vão disputar as Olimpíadas do Rio de Janeiro, a partir do dia 5 de agosto. Desse total, 200 são atletas de 26 países – Canadá, Estados Unidos, Holanda, Nova Zelândia, França, Grã-Bretanha, Iraque, Argentina, Japão, Portugal, Rússia, Eslováquia, Alemanha, China, Hong Kong, Coreia do Sul, Índia, Malásia, Mali, Itália, Filipinas, Ucrânia, Camarões, Bélgica, Luxemburgo e Brasil.

Atletas da Austrália também estão no local, mas não dormirão na Vila devido a problemas encontrados nas instalações, de acordo com informação da assessoria de imprensa da organização do evento. Diante da decisão do Comitê Olímpico Australiano (AOC, sigla em inglês), que condicionou a ida de seus atletas para a Vila à solução dos problemas elétricos e hidráulicos, entre outros, o Comitê Rio 2016 assegurou que está “trabalhando intensamente” para resolver todos os problemas da Vila Olímpica o mais rápido possível.

“Quando chegamos à reta final dos preparativos na Vila Olímpica para receber os atletas, identificamos que alguns quartos precisavam de reparos extras. Estamos trabalhando 24 horas para resolver todos os problemas. Infelizmente isso ainda vai levar uns dias. Mas estamos realocando os atletas que estão chegando e encontram seus apartamentos ainda com algum trabalho por fazer, para um prédio vazio que já esteja 100%. Estamos atentos para que os pequenos reparos não atrapalhem nem perturbem a rotina dos atletas, que já chegam para treinar para os Jogos Olímpicos. Lamentamos qualquer inconveniente que isso possa causar e agradecemos enormemente a compreensão dos Comitês Olímpicos Nacionais neste momento”, diz em nota o Comitê Rio 2016.

Chefes de delegações de outros países também já estão na Vila fazendo o check-in de seus atletas que chegarão nos próximos dias. No total, 205 países terão atletas hospedados na Vila para participar da Olimpíada.

Ao abrir a Vila às delegações, pela manhã, o presidente do Comitê Olímpico do Brasil (COB) e do Comitê Organizador dos Jogos Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman, destacou a importância de os chefes de missões relatarem suas avaliações sobre as acomodações para que os ajustes sejam feitos. A meta, afirmou, não é ficar apontando defeitos ou erros, mas “é acertar”. Problemas até piores foram enfrentados em olimpíadas anteriores, garantiu, para completar que as correções serão efetuadas. “Termos jogos espetaculares é o que nós sempre buscamos e vamos realmente poder entregar”, disse Nuzman.

Convidada pelo presidente do Comitê Rio 2016 para ser prefeita da Vila Olímpica, a medalhista brasileira do basquete, Janeth Arcain, prometeu que vai procurar passar o melhor de sua experiência para que os atletas se sintam confortáveis na cidade. “Não vamos medir esforços para que todos tenham, e nós possamos entregar, os melhores Jogos”.


Rádio Tucunaré

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Cadernos

Sobre

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo