Juara

07/05/2018 15:09 Acesse Notícias/Rádio Tucunaré

Filho de ex-professor e ex-presidente do CMDCA de Juara é morto a tiros em Cuiabá

Um jovem de 26 anos identificado por Phelippe Conceição, popularmente chamado de ‘Tubarão’ enquanto morava em Juara e estudava o ensino médio, foi assassinato a tiros no Bairro Cidade Alta, em Cuiabá, na manhã dessa segunda-feira, dia 7 de maio. 

De acordo com informações da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Phelippe estava acompanhado de um amigo que não teve seu nome revelado, quando foram abordados por supostos assaltantes.

Segundo os sites da capital Cuiabá divulgaram, a DHPP revelou que foi verificado, por meio de análise em câmeras de estabelecimentos comerciais, que Phelippe e o amigo saíram de um bar e pararam em um ponto de táxi, onde consumiam entorpecentes.

O site G1 MT divulgou que quatro homens que estavam em um veículo, de cor escura, abordaram a dupla e dispararam duas vezes na direção de Phelippe. Os disparos foram feitos com uma pistola ponto 40.


Tubarão, como era conhecido em Juara, era filho de Elinaldo Conceição e Jolinete Siqueira. 

Ainda conforme escreve o portal de notícias, o amigo dele conseguiu fugir e não foi atingido. Segundo a DHPP, foram levados aparelhos celulares da vítima e do amigo. A vítima tinha passagens policiais por tráfico de drogas e associação criminosa, de acordo com os policiais.

O inquérito policial para apurar o crime será conduzido pela delegada Jannira Laranjeira Siqueira Campos, da DHPP.

Enquanto moravam em Juara, os pais de Tubarão eram ativos na sociedade. Sua mãe, Jolinete Siqueira, foi presidente da União das Associações Comunitárias e Similares de Juara (UACAJU) e também ficou a frente do Conselho Municipal da Criança e Adolescente (CMDCA).

Elinaldo Ângelo Conceição, pai da vítima, foi professor de sociologia na Escola Estadual Oscar Soares, onde se candidatou ao cargo de diretor, não conseguindo êxito. Atualmente, Elianaldo é gerente de Educação de Jovens e Adultos da SEDUC-MT.

Pelas redes sociais, amigos de Phelippe Conceição, prestaram suas últimas homenagens e lamentaram a morte do jovem que tinha uma filha de dois anos de idade.

Um amigo da vítima, que preferiu não se identificar, procurou a reportagem da rádio Tucunaré e site Acesse Notícias e disse: “Tubarão como era conhecido, tinha la seus defeitos como qualquer pessoa, depois que se tornou pai, tentou mudar alguns hábitos, e infelizmente o que as pessoas pensam é que morreu porque mechia com coisa errada no passado, mas não sabem a realidade”. Concluiu.


Rádio Tucunaré

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Cadernos

Sobre

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo