Acusado de matar quatro pessoas é preso pela Polícia Civil em garimpo no Nortão

A Polícia Civil prendeu hoje, em Peixoto de Azevedo (200 quilômetros de Sinop), mais um criminoso ligado a uma facção que praticou, ao menos, quatro homicídios na cidade e na vizinha Matupá. Segundo a Polícia Civil, a equipe de investigação procurava pelo autor dos crimes há alguns dias e nesta quarta-feira ele foi localizado em um garimpo, a 40 quilômetros da cidade.

A Polícia Civil aponta que o jovem de 19 anos integra uma facção criminosa e contra ele havia mandados de prisão preventiva, expedidos no último dia 10 de maio, pelos homicídios de Walakis Orti da Silva, 25 anos, e Eduardo dos Santos Silva, 28 anos. As vítimas foram mortas a tiros na noite do dia 1º de abril, em uma residência em frente a um campo de futebol no bairro Nova Esperança, em Peixoto de Azevedo.

Conforme a apuração, o criminoso também é investigado por outros dois assassinatos ocorridos em Matupá, no dia 26 de abril. Adrian César da Silva Rodrigues, 21 anos, e Lays Teixeira Cristina Marinho, 20 anos, foram atingidos por disparos de arma de fogo na porta de casa quando, aparentemente, estavam saindo do imóvel onde residiam.

A Polícia Civil apontou que, após o cumprimento dos dois mandados de prisão, o investigado foi encaminhado ao centro de detenção de Peixoto de Azevedo, onde ficará à disposição da Justiça.

Fonte: Redação Só Notícias (foto: assessoria)

Parceiros e Clientes

Entre no grupo Rádio Tucunaré no Whatsapp e receba notícias em tempo real.
Feito com muito 💜 por go7.com.br

Usamos cookies em nosso site para fornecer uma experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas. Ao clicar em “Aceitar”, você concorda com a utilização de TODOS os cookies. Leia nossa Política de Privacidade na íntegra.